Redação Redação - 12 de julho de 2022
Foto Polícia Federal
© Divulgação/Polícia Federal

Hoje (12) a Polícia Federal (PF) informou que seis balsas e motores usados em atividades de garimpo ilegal foram destruídos durante operação realizada no último fim de semana a Terra Indígena do Baú, área próxima ao município de Novo Progresso, no sul do Pará.

Segundo a PF, uma das balsas estava equipada com televisão e ar-condicionado. A embarcação foi avaliada em R$ 2 milhões.

Além disso, foram apreendidas pela corporação cerca de 80 gramas de ouro extraído irregularmente da área e 23 munições. Durante a operação, um garimpeiro foi multado em R$ 1 milhão pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

As diligências da Polícia Federal foram realizadas nos dias 8,9 e 10 deste mês e fazem parte da Operação Mercúrio, um dos desdobramentos da Operação Guardiões do Bioma.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar


Deixe um comentário

Para fazer um comentário você precisa criar uma conta. Clique aqui para ir para a página de login.

Usamos cookies para melhorar a experiência do usuário e analisar o tráfego do site. Leia sobre como usamos cookies e como você pode controlá-los clicando em "Política de privacidade".

Concordo

Política de privacidade

Quando você visita qualquer site, ele pode armazenar ou recuperar informações através do seu navegador, geralmente na forma de cookies. Como respeitamos seu direito à privacidade, você pode optar por não permitir a coleta de dados de determinados tipos de serviços. No entanto, não permitir esses serviços pode afetar sua experiência.